top of page
  • Dra. Tatiane Rodrigues

Como funciona o distrato na compra de imóvel na planta?

Atualizado: 8 de mai.

É importante que, antes de optar pelo distrato, o comprador tenha noção das suas consequências, para depois não se arrepender do distrato.


Também é necessário saber quais são os seus direitos, para que não ocorra abusos pelas empresas e para que saiba quais são suas opções.


Vejamos que, não trataremos de caso que a construtora tenha dado caso para o pedido de rescisão, como por exemplo, o atraso na entrega da obra. Trataremos daquele distrato em que não há culpa.



1 Como pedir o distrato?


De forma alguma você deve solicitar o distrato de forma informal ou então simplesmente deixar de pagar as parcelas. É preciso que você faça uma notificação formal, pedindo o distrato.



2) Pagarei alguma multa?


Sim, será devida multa no percentual até 25% do valor pago se o não for caso de patrimônio de afetação. Se o empreendimento tiver patrimônio de afetação, a multa poderá ser de até 50% do valor pago.


Logo, no distrato, será devolvido o valor pago, com o desconto da multa devida e de outros valores.


Atenção aos prazos que a empresa tem para fazer a devolução:


  • Se tiver patrimônio de afetação, o prazo para devolver o dinheiro é de 30 dias após a expedição do habite-se.

  • Se não tiver patrimônio de afetação, deverá ser devolvido o valor em até 180 dias após o distrato.

  • Se a unidade for revendida para outra pessoa, deverá o valor ser devolvido em até 30 dias após a revenda, seja empreendimento com ou sem patrimônio de afetação.



E, caso ao pedir o distrato você consiga um novo comprador para a unidade, se houver a aprovação deve novo comprador pela empresa, não será cobrada nenhuma multa no distrato.


Algumas dúvidas:


a) Mesmo que eu esteja inadimplente, posso pedir o distrato? Sim, estar com as obrigações em dia não é requisito para pedir o distrato.


Súmula 1: O Compromissário comprador de imóvel, mesmo inadimplente, pode pedir a rescisão do contrato e reaver as quantias pagas, admitida a compensação com gastos próprios de administração e propaganda feitos pelo compromissário vendedor, assim como com o valor que se arbitrar pelo tempo de ocupação do bem.

b) A empresa pode devolver o valor do distrato parcelado? Não, o valor deve ser pago à vista, conforme Súmula 543 do STJ:


Súmula 543: Na hipótese de resolução de contrato de promessa de compra e venda de imóvel submetido ao Código de Defesa do Consumidor, deve ocorrer a imediata restituição das parcelas pagas pelo promitente comprador – integralmente, em caso de culpa exclusiva do promitente vendedor/construtor, ou parcialmente, caso tenha sido o comprador quem deu causa ao desfazimento. 

c) É devolvida à comissão de corretagem que foi paga? Não, no distrato é devolvido apenas o que foi pago para a incorporadora/construtora. Não haverá devolução da comissão que foi paga.



 

Se você ficou com alguma dúvida sobre o que está escrito no texto, pode entrar em contato por meio do e-mail: contato@rodriguesefelix.adv.br, do WhatsApp que está abaixo ou também no meu perfil no Instagram: @tatiane.adv ou no perfil do escritório @rodriguesefelix. Se a sua dúvida é em razão de estar por estar passando por essa situação e quer saber como agir ou quais são os seus direitos, procure um advogado de sua confiança para contratar uma consulta para que seja analisado o seu caso e prestada a orientação jurídica de como agir.





Escrito por:

Outros textos que podem ser do seu interesse:



Commentaires


Participe da lista VIP

Aprenda sobre seus direito com nosso time de especialistas TOTALMENTE DE GRAÇA!

Seja bem vindo! 
Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

* Respondemos mensagens no WhatsApp em dias úteis durante o horário comercial (das 8h às 18h).

bottom of page