top of page
  • Dra. Tatiane Rodrigues

Pode ser cobrada taxa de fruição se não há construção no lote?

Atualizado: 27 de mar.

Quem compra um lote de uma loteadora, é comum ter a cláusula de que, será cobrado taxa de fruição do lote caso haja distrato ou rescisão do contrato. Será que essa cobrança é legal?



Mesmo que esteja no contrato que você assinou a loteadora, caso você opte pela a rescisão do contrato ou o pedido de distrato, não pode ser cobrado taxa de fruição do lote.


A lei do distrato (Lei 13.786/18,) até estabeleceu que a loteadora poderia cobrar até o valor de 0,75% do contrato como taxa de fruição, porém a justiça bem reconhecendo que não é devida taxa de fruição quando não há qualquer edificação no lote.


Os juízes estão afastando a cobrança da taxa de fruição pelo seguinte motivo: se não há edificação no lote, não estava o comprador usando do lote.


Vejamos duas decisões:

Rescisão de contrato de compra e venda de lote de terreno. Iniciativa do adquirente. Celebração na vigência da lei do distrato. Percentual de retenção que está de acordo com a legislação do consumidor. Súmulas 1, 2 e 3 do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo e Súmula 543 do Colendo Superior Tribunal de Justiça. Taxa de ocupação afastada (lote de terreno sem edificação). Ação parcialmente procedente. Sentença mantida. Recurso do autor provido e recurso da ré parcialmente provido. (TJSP 1052998-14-2021-8-26-0576).
Apelação. Ação de rescisão contratual e restituição de valores pagos. Compromisso de compra e venda de bem imóvel consistente em lote de terreno. Sentença de procedência para declarar a rescisão do contrato e condenar a ré a restituição de 80% dos valores recebidos a título de preço. Recurso da ré que merece prosperar parcialmente. Rescisão contratual a pedido do promitente comprador. Contrato firmado após a Lei do Distrato, que não afasta a aplicabilidade do CDC. Aplicação das Súmulas 1 e 2 deste Tribunal e Súmula 543 do STJ. Reconhecimento da abusividade de parte da cláusula de rescisão que prevê retenção de valores. Retenção que deve estar entre 10% e 25% do valor pago conforme jurisprudência do STJ, respeitado o limite estabelecido no art. 32-A da Lei 6.766/79 (10% do valor atualizado do contrato). Pretensão descabida de majoração da retenção para “30% sobre os valores atualizados do contrato”, acima do contrato, da lei e do parâmetro estabelecido pelo STJ. Juros de mora que devem incidir desde o trânsito em julgado (tema 1002, REsp 1740911/DF). Afastamento da taxa de fruição confirmada. Lote de terreno sem edificação. Embora a compradora estivesse na posse precária do lote, não há provas de seu uso efetivo por meio de construção, edificação, benfeitorias ou proveito econômico. Precedentes do STJ e deste Tribunal. Possibilidade de abatimento de IPTU desde a aquisição até a rescisão (sentença), desde que comprovado o débito. Devem ser abatidos do valor a ser restituído ao comprador os encargos da mora relativos às prestações pagas em atraso. Sentença parcialmente reformada. Sucumbência mantida. RECURSO PARCIALMENTE PROVIDO. (TJSP AC 1000624-51.2023.8.26.0123, julgado em 26/02/2024). Grifo nosso.

 

Se você ficou com alguma dúvida sobre o que está escrito no texto, pode entrar em contato por meio do e-mail: contato@rodriguesefelix.adv.br, do WhatsApp que está abaixo ou também no meu perfil no Instagram: @tatiane.adv ou no perfil do escritório @rodriguesefelix. Se a sua dúvida é em razão de estar por estar passando por essa situação e quer saber como agir ou quais são os seus direitos, procure um advogado de sua confiança para contratar uma consulta para que seja analisado o seu caso e prestada a orientação jurídica de como agir.



* Respondemos mensagens no WhatsApp, e-mail e instagram em dias úteis durante o horário comercial (das 9h às 17h). Não respondemos dúvidas que são orientações jurídicas ou que dependem da análise do caso sem a contratação de uma consulta.


Escrito por:



Outros textos que podem ser do seu interesse:





Comments


Participe da lista VIP

Aprenda sobre seus direito com nosso time de especialistas TOTALMENTE DE GRAÇA!

Seja bem vindo! 
Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

* Respondemos mensagens no WhatsApp em dias úteis durante o horário comercial (das 8h às 18h).

bottom of page